Afinal, o que são servidores remotos? Entenda como utilizá-los

Afinal, o que são servidores remotos? Entenda como utilizá-los

Quando o assunto é infraestrutura de TI, uma das soluções mais indicadas para as empresas é o serviço de cloud computing. Quando falamos em computação em nuvem, é essencial que tenhamos o entendimento sobre o que são servidores remotos para compreendermos bem quais são as vantagens desse modelo.

Por isso, neste post veremos exatamente o que são os servidores remotos, como utilizá-los e quais são alguns dos seus principais benefícios para uma empresa. Acompanhe!

O que são os servidores remotos?

Ao contrário dos servidores locais, que ficam fisicamente presentes no mesmo espaço da empresa, os servidores remotos ficam em outra localidade. O usual é que eles permaneçam conectados à internet, o que permite que sejam acessados a distância sempre que necessário.

Como utilizar os servidores remotos?

Um servidor remoto pode ser utilizado para o armazenamento de arquivos, trabalhar como um banco de dados remoto, servir de hospedagem de sistemas de uso comum dos colaboradores da empresa, funcionar como um servidor dedicado para o processamento de grandes volumes de dados e muito mais.

Como o acesso aos dados de um servidor remoto é feito pela internet, é fundamental que haja um cuidado especial com a segurança. Para isso, é interessante configurar uma VPN (Virtual Private Network, ou Rede Privada Virtual, em português) para conectar o servidor e o cliente de forma protegida, utilizando protocolos de criptografia.

Indo um pouco além, podemos dizer que a computação em nuvem é uma aplicação direta do uso de servidores remotos — e outras tecnologias. Nesse caso, os recursos computacionais são contratados sob demanda e normalmente são provenientes de servidores virtualizados, cujas máquinas físicas em que se encontram podem estar inclusive em outro país.

Quais são as vantagens dos servidores remotos?

Redução de custos

Como os servidores remotos não ficam no ambiente da empresa, evita-se o desperdício de espaço. Devemos ter em mente que o aluguel de uma sala comercial ou de um escritório representa uma despesa considerável. Então, em vez de ocupar uma sala com equipamentos, por exemplo, podemos utilizá-la para atividades mais produtivas.

Sem falar que com o acesso de diversas pessoas a uma máquina com recursos poderosos não é preciso que todas elas tenham computadores de altíssimo desempenho.

Segurança dos dados

Servidores remotos de confiança ficam em locais seguros e mantêm cópias dos dados caso haja algum problema com os dispositivos de armazenamento.

Além disso, como já explicamos, a conexão entre o usuário e o servidor remoto é segura, impedindo que invasores interceptem a comunicação.

Disponibilidade instantânea das informações

O fato de um servidor remoto estar sempre disponível para quem tem acesso a ele é ótimo porque os colaboradores podem utilizá-lo sempre que necessário e de onde quer que estejam.

Em casos de emergência, é possível consultar ou alterar alguma informação até mesmo por meio de um tablet ou um smartphone.

Percebeu como os servidores remotos podem ser uma boa solução para a sua infraestrutura de TI? Então que tal conhecer um pouco mais sobre cloud computing? Baixe o nosso e-book sobre os mitos e as verdades sobre a migração para a nuvem!

Compartilhe este Post


var MauticFormCallback = { qualificacaoformulariodecotacaorapida: { onValidateStart: function () { document.getElementById('mauticform_input_qualificacaoformulariodecotacaorapida_url').value = window.location.href; } } };